Ambev vai testar embalagens feitas com palha de milho

quarta-feira, 25 de agosto de 2021

A Ambev assumiu publicamente o compromisso de adotar 100% das embalagens retornáveis ou feitas majoritariamente de conteúdo reciclado e diminuir a poluição plástica até 2025.

 

A companhia investiu na captação de uma startup que detém uma tecnologia regenerativa que possibilita o desenvolvimento de embalagens fabricadas com compostos orgânicos da própria natureza.

 

Um projeto piloto lançará em outubro deste ano novas embalagens fabricadas com biomaterial em pontos de venda de São Paulo. A ideia é validar a embalagem com os consumidores para produção em escala já em 2022.

 

Com uma economia bio-baseada, ou seja, ciclo de vida completamente sustentável, a embalagem é produzida com rejeitos agrícolas, basicamente palha de milho, de forma 100% mecânica (sem químicos e efluentes). O descarte acontece de maneira completamente compostável ou reciclado junto na cadeia do papel.

Compartilhar:

Leia Também