Anvisa autoriza primeiro medicamento inalável para tratar depressão grave

sexta-feira, 13 de novembro de 2020

A Anvisa autoriza um medicamento em forma de spray nasal e com ação quase imediata para tratar pacientes com depressões graves.

 

 

O remédio foi desenvolvido pelo Serviço de Psiquiatria do Complexo Hospitalar Universitário da Universidade Federal da Bahia. O princípio ativo tem relação com um medicamento usado em doses elevadas em anestesias.

 

O Serviço de Psiquiatria do hospital desenvolve pesquisas com o princípio ativo e seus derivados há quase uma década. Este medicamento preenche uma lacuna que existia pelo fato de que nenhum antidepressivo começava a atuar em menos de 15 dias, após se atingir a dose terapêutica mínima.

 

Até o momento, o medicamento é indicado somente para pacientes com depressão grave e que ou já apresentaram falhas em tratamentos prévios ou estão em risco de suicídio.

Compartilhar:

Leia Também