Cientistas desenvolvem aplicativo que pode ajudar no diagnóstico de autismo em bebês

segunda-feira, 10 de maio de 2021

Pesquisadores da Universidade de Duke, nos Estados Unidos, desenvolveram um aplicativo para celulares e tablets que pode diagnosticar uma tendência ao transtorno do espectro do autismo em crianças.

 

O aplicativo, que ainda não ganhou um nome, usa a premissa básica de atenção em objetos e pessoas para indicar se o bebê tem chances de ter o transtorno ou não. Isso porque os bebês prestam mais atenção no ambiente.

 

O objetivo é apresentar vídeos nos quais pessoas interagem com objetos. Usando a câmera dos aparelhos, o app reconhece se o bebê ou a criança focam mais no ambiente ou no personagem principal do vídeo.

 

De acordo com o Centro de Autismo e Desenvolvimento Cerebral de Duke, o aplicativo é capaz de acompanhar os olhos das crianças e apontar se elas têm chance de ter autismo.

Compartilhar:

Leia Também