Novo aplicativo pode diminuir taxa de abandono de tratamento da tuberculose

segunda-feira, 04 de abril de 2022

Um aplicativo de celular foi criado para monitorar e auxiliar na adesão ao tratamento da tuberculose. Pelos números, em 2019, cerca de 11% dos brasileiros diagnosticados com a doença abandonar o tratamento.

 

A ferramenta, desenvolvida por pesquisadores da Universidade Federal do Espírito Santo, da USP e do Instituto Federal do Triângulo Mineiro, foi publicada na Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical.

 

O aplicativo é o primeiro de uma série de tecnologias desenvolvidas pela equipe capixaba para facilitar a administração e supervisão do uso do medicamento para tuberculose.

 

Com ele, as equipes podem monitorar a administração dos medicamentos e eventos adversos relacionados à fase assintomática da doença. O paciente também pode se comunicador, por app, com a unidade de saúde antes de sair de casa.

 

A expectativa é que a ferramenta possa ser disponibilizada no SUS e ajude na redução das taxas de abandono do tratamento.

Compartilhar:

Leia Também