Áreas verdes garantem corações mais saudáveis

quinta-feira, 04 de março de 2021

Uma extensa pesquisa comparou a incidência de doenças cardíacas, a quantidade de espaços verdes e a qualidade do ar em cada cidade dos Estados Unidos.

 

A conclusão a que os cientistas chegaram é de que espaços verdes podem salvar vidas. Para chegar a esta resposta, dois estudos já conhecidos foram cruzados: o de que a poluição é prejudicial à saúde dos pulmões e corações, e de que a vegetação ajuda a combater o ar poluído.

 

Com os dados coletados por satélites da NASA, foi possível calcular as áreas verdes de muitas regiões do território americano e comparar sua extensão com as taxas de mortalidade nacionais do Atlas de Saúde. Fatores como as medições de qualidade também foram considerados.

 

Usando um sistema internacionalmente reconhecido para medir a quantidade de vegetação verde, os pesquisadores checaram os indicadores que fazem aumentar ou diminuir o material de qualidade do ar, quer seja ruim ou boa.  Além de melhorar a saúde, a pesquisa também pode ser significativa no combate às mudanças climáticas.

Compartilhar:

Leia Também