As revelações do primeiro mapa global de abelhas (e por que é tão importante)

terça-feira, 24 de novembro de 2020

As abelhas fornecem serviços essenciais para nossos ecossistemas e são os principais polinizadores de muitos de nossos alimentos básicos.

 

 

No entanto, pouco se sabe sobre a variedade de espécies que vivem em todos os continentes, exceto na Antártida: desde as minúsculas abelhas sem ferrão até algumas do tamanho de um polegar.

 

 

Agora, cientistas conseguiram, pela primeira vez, mapear a distribuição das 20 mil espécies de abelhas que existem no mundo. O novo mapa global ajudará na conservação dos insetos.

 

 

Foram combinados milhões de registros para os primeiros mapas das abelhas. Esse mapeamento pode formar a base para trabalhos futuros, sabendo com precisão sobre as áreas mais adequadas para cada variedade e evitando ameaças de pesticidas, que é o que vem causando a extinção das abelhas.

Compartilhar:

Leia Também