Banco Central estuda lançar Real Digital para reduzir uso de cédulas

quinta-feira, 26 de agosto de 2021

A fim de reduzir o uso de cédulas, o Banco Central estuda lançar o Real Digital. Esta é uma tendência não para eliminar, mas para reduzir a circulação de papel-moeda. Os estudos devem levar três anos.

 

De acordo com dados do Banco Central, em junho de 2021, o total de papel-moeda em poder das pessoas era de R$ 283 bilhões, enquanto o volume de dinheiro depositado em conta-corrente era de R$ 333 bilhões.

 

Se somar a esse valor os depósitos remunerados, como CDB, compras com juros no crédito e títulos públicos federais, o total sobe para quase 9 trilhões disponíveis na forma digital.

 

Portanto, apenas cerca de 3% dos recursos disponíveis para as operações no país estão na forma do dinheiro em papel. De toda a população, uma minoria ainda vai ao banco para sacar dinheiro. As transações digitais são tendência e aposta para reduzir a produção do dinheiro em papel.

Compartilhar:

Leia Também