BC atualiza regulamento do PIX e inclui QR Code para pagamentos imediatos e futuros

sábado, 31 de outubro de 2020

O Banco Central aprovou novas funcionalidades para o PIX, sistema de pagamentos instantâneos que entra em operação no próximo dia 3 (em horário reduzido) para uma base restrita de clientes e no próximo 16 (a partir das 9h) para todos os usuários.

 

 

Uma das novas funcionalidades aprovadas é o PIX Cobrança, que, segundo o Banco Central, permitirá a lojistas, prestadores de serviços e outros empreendedores emitir um QR Code — o consumidor escolherá o produto, apontará o celular para o QR Code e a compra estará concluída.

 

 

Outra funcionalidade é o QR Code com vencimento futuro. Nesse caso, o código funcionará como um boleto. Nessa emissão, o comerciante poderá incluir — além do valor — juros, multas e descontos.

 

 

A atualização do regulamento do PIX também estabeleceu os critérios pelos quais instituições poderão cobrar de pessoas

Compartilhar:

Leia Também