Biorreator absorve CO2 usando microalgas

segunda-feira, 08 de junho de 2020

Reduzir as emissões e encontrar maneiras de capturar os gases que contribuem para o aquecimento global é uma necessidade urgente.

 

Mas, pesquisadores encontraram na natureza a resposta para este desafio. Eles criaram um biorreator que usa algas para capturar e filtrar o carbono da atmosfera, usando algas.

 

As microalgas usadas no equipamento são um organismo unicelular altamente eficientes para capturar e processar dióxido de carbono, o CO2.

 

O biorreator EOS usa inteligência artificial para otimizar ainda mais os processos de reprodução e absorção de carbono das algas. Segundo os criadores cada equipamento pode processar cerca de 2 toneladas de oxigênio por ano, o equivalente a 4 mil m² de árvores.

Compartilhar:

Leia Também