Brasil entra no grupo de 20 países líderes em energia solar, com 16ª posição

terça-feira, 21 de julho de 2020

 

O Brasil entrou para o grupo de 20 países líderes em capacidade instalada de energia solar no mundo, após um forte crescimento da tecnologia puxado principalmente por instalações de menor porte.

 

Após somar 2.120 megawatts (MW) em novos sistemas de geração solar colocados em operação em 2019, o maior país da América Latina fechou o ano na 16ª colocação no ranking global da fonte.

 

Isso representou expansão de quase 90% somente no ano passado. Apenas no ano de 2019, o setor trouxe ao Brasil 10,7 bilhões de reais em novos investimentos e mais de 63 mil empregos.

 

Apesar do significativo crescimento recente, a fonte solar ainda representa menos de 2% da matriz elétrica brasileira. E a liderança global em energia fotovoltaica continuou com a China, seguida da Alemanha e Estados Unidos.

Compartilhar:

Leia Também