Cacau brasileiro recebe proteção inédita por meio do Seguro Paramétrico

segunda-feira, 04 de outubro de 2021

Em operação inédita, um instrumento de proteção para reduzir os riscos no campo já é realidade no Nordeste. A partir de dados do Instituto Nacional de Meteorologia foi aberta a primeira apólice de seguro rural para a produção de cacau.

 

Os próprios produtores participaram da definição dos parâmetros que permitem o acionamento do seguro, de uma forma completamente personalizada.

 

O Seguro Paramétrico coloca o contratante em primeiro lugar, pois se adequa às necessidades reais dele. O formato entende o que os agricultores precisam e se chega a uma apólice totalmente customizada, levando em conta o clima e os riscos daquela região.

 

No caso, o prêmio conta com a subvenção federal de 20%, implementada no início do ano e também inédita. A cobertura é para a produção de cacau em três fazendas de Ilhéus, no sul da Bahia. Ainda pouco difundido no país, o seguro de índice movimenta US$ 100 bilhões por ano no mundo.

Compartilhar:

Leia Também