Revolução à vista na cirurgia estética: células-tronco obtidas na lipo já rejuvenescem a pele e podem ser opção para aumento das mamas

terça-feira, 02 de março de 2021

As células tronco vem sendo muitos utilizadas na clínica estética. Uma das técnicas quem vem sendo estudada há décadas utiliza o tecido gorduroso removido na lipoaspiração para novos tratamentos.

 

Esse material biológico já vem sendo utilizado em muitos procedimentos com segurança, como em cirurgias reparadoras e reconstrutoras, como em queimaduras, desenvolvimento de cartilagens e partes ósseas para pacientes acidentados.

 

Estudos recentes também abrem a possibilidade para os tratamentos capilares. Essas células, ao serem enxertadas no couro cabeludo, promovem o nascimento dos fios e também a melhoria das doenças inflamatórias que acometem a região, como a psoríase e a dermatite.

 

As células tronco são produzidas com o próprio DNA do paciente, o que quase zera o risco de rejeição. Essas removidas do tecido gorduroso são as adultas e são diferentes das de embriões humanos, que estão em fase inicial de desenvolvimento e tem outras indicações.

Compartilhar:

Leia Também