Consumo consciente ganha mais adeptos iniciantes no Brasil

quarta-feira, 09 de setembro de 2020

A pesquisa Panorama do Consumo Consciente no Brasil, realizada pelo Instituto Akatu, tem boas notícias em sua última versão, divulgada recentemente e com dados de 2018.

O percentual de consumidores classificados como iniciantes em relação a um comportamento consciente de consumo cresceu 6 pontos percentuais no país na comparação com o mesmo estudo em 2012, passando de 32% para 38% do total de pessoas entrevistadas.

A pesquisa sobre consumo consciente ouviu 1.090 pessoas de todo o Brasil e traça esses perfis a partir da análise de 13 tipos de comportamento, como desligar lâmpadas e eletrônicos, fechar torneiras e planejamento de compras. Dados importantes também se referem a reciclagem e produtos orgânicos.

Os mais engajados são os que tem idade de 35 anos ou mais e nível superior. Outra boa notícia diz respeito ao que tem levado os consumidores a se tornar mais sustentáveis. Na lista estão razões emocionais e menos palpáveis, impactos positivos no mundo e o futuro da sociedade.

Compartilhar: