Cultivo de alimentos dos Guarani somam 50 mil m² em São Paulo

quarta-feira, 14 de julho de 2021

O Projeto Ligue os Pontos, desenvolvido em São Paulo, disponibiliza um estudo sobre os agricultores guaranis e a atual produção agrícola na Terra Indígena, situada no extremo sul da cidade.

 

O objetivo é dar visibilidade às práticas de cultivo adotadas por esses povos guaranis e subsidiar políticas públicas para o território.  A cidade de São Paulo tem preservados cerca de 30% de seu território com características rurais e o cultivo é apontado pelos guaranis como a principal garantia do sustento.

 

O levantamento foi executado pelo Centro de Trabalho Indigenista, com ativa participação dos guaranis. Foram identificadas 29 unidades produtivas e 81 roças no território Guarani, somando aproximadamente 5 hectares de áreas de plantio.

 

Entre os diversos resultados obtidos, pode-se destacar que das 123 pessoas envolvidas com plantio nas unidades produtivas, 40% são mulheres. Quanto à faixa etária, as pessoas de 21 a 59 anos representam a maior parte (64%) dos atuantes no campo.

Compartilhar:

Leia Também