Cientistas desenvolvem curativo de baixo custo para feridas crônicas

sexta-feira, 30 de julho de 2021

Cientistas americanos estão desenvolvendo um curativo de baixo custo a partir de um composto renovável. O produto é produzido a partir de fontes de energias renováveis, como cana-de-açúcar e milho.

 

O projeto vai utilizar biopolímeros, também chamados de polímeros biodegradáveis. Da forma como é produzida, a invenção deve tornar o tratamento de lesões persistentes mais acessível.

 

Existem tecnologias eficientes disponíveis para apoiar a cicatrização de feridas crônicas, mas aquelas que podem estimular a regeneração da pele são normalmente derivadas de tecidos naturais colhidos. Isso é complexo e caro.

 

O produto ainda se encontra em fase de testes. O que se sabe é que ele será fabricado a partir de compostos prontamente disponíveis. Assim, os custos de produção são mantidos baixos e a equipe pode adicionar outros materiais para melhorar a eficácia do tratamento.

Compartilhar:

Leia Também