Pesquisa aponta que educadores brasileiros da área da saúde aprovam uso de plataformas online como apoio ao ensino

terça-feira, 08 de junho de 2021

Pesquisa indica que os educadores brasileiros das áreas da saúde do ensino superior aprovam as plataformas online de ensino, mas para os primeiros anos de formação dos estudantes.

 

O estudo foi realizado no Brasil, entre março e abril, com mais de 400 profissionais da educação de instituições púbicas e privadas. Os educadores atuam em nas áreas de Medicina, Enfermagem, Fisioterapia e Educação Física.

 

O levantamento foi feito por empresa de pesquisa da Nova Zelândia, especialista em soluções tecnológicas para pesquisa e educação em ciências da vida. 80% deles concordam que ferramentas online facilitam o acesso a conteúdos programáticos.

 

Nessa mesma linha, 71% dos participantes afirmam que a facilidade de acesso aos conteúdos é um dos pontos mais importantes no processo de aprendizagem e 67% acreditam que a tecnologia melhora o desempenho de estudantes com diferentes ritmos de assimilação das matérias.

Compartilhar:

Leia Também