Endometriose pode ser tratada com THC da Cannabis, mostra estudo

terça-feira, 14 de abril de 2020

 

Além de Alzheimer, Parkinson, convulsões, epilepsia, tipos de câncer e dores como a fibromialgia, agora a ciência mostra que a Endometriose entrou na lista das doenças que podem ser tratadas com Cannabis, a chamada maconha medicinal.

 

Pesquisas feitas por médicos espanhóis descobriram que o THC canabinóide é capaz de aliviar as dores horríveis provocadas pela Endometriose, um problema que atinge 1 em cada 10 mulheres.

 

Os pesquisadores estudaram como o THC afeta a ansiedade relacionada à dor, as deficiências de memória relacionadas à dor e nos crescimentos endometriais no útero.

 

Após a publicação de experiências com sucesso em ratos, a equipe liderada por Rafael Maldonado informou que vai começar testes clínicos em mulheres, com financiamento do Serviço de Ginecologia do Hospital Clínico de Barcelona.

Compartilhar:

Leia Também