Estudo do Inca revela que atividade física atua no controle do câncer

segunda-feira, 09 de maio de 2022

O Instituto Nacional do Câncer afirmou que a partir da ampliação da prática de atividade física na população, a incidência de três tipos da doença seria reduzida e os gastos federais com os tratamentos também.

 

A apresentação ocorreu durante o seminário “Atividade Física no Controle do Câncer: recomendações e impactos econômicos no SUS”. O estudo demonstra que os gastos federais com cânceres de mama, intestino grosso e endométrio.

 

De acordo com o Inca, para que haja uma economia de pelo menos R$ 20 milhões até 2024, nos gastos com tratamento de câncer, um terço dos brasileiros deveria realizar, pelo menos, 150 minutos de exercícios físicos por semana, até 2030, em atividades moderadas.

Compartilhar:

Leia Também