EUA aprovam adesivo semanal para tratar doença de Alzheimer

terça-feira, 03 de maio de 2022

Foi aprovado, nos Estados Unidos, a utilização de um adesivo de pele semanal usado para tratar os sintomas da demência relacionada à doença de Alzheimer.

 

O tratamento é uma formulação em adesivo do medicamento oral donepezil, que está disponível há muitos anos e é um dos medicamentos mais prescritos para pacientes com a doença.

 

O novo medicamento não é o primeiro adesivo de pele aprovado para a doença de Alzheimer, mas é o primeiro a ser administrado uma vez por semana. Espera-se que este regime beneficie certos pacientes.

 

Os médicos acreditam que esta nova opção seja melhor para aqueles que precisam se lembrar de tomar medicamentos ou para aqueles que se recusam a ingerir remédios, por exemplo.

 

Outra vantagem do patch é ter potencialmente menos efeitos colaterais. Esses não devem ser completamente eliminados, porém, provavelmente serão menos graves. O novo patch estará disponível comercialmente em setembro.

Compartilhar:

Leia Também