Exportação dos cafés diferenciados brasileiros corresponde a 17% do total vendido ao exterior pelo setor em oito meses

sexta-feira, 25 de setembro de 2020

Nos oito primeiros meses deste ano, o Brasil exportou o equivalente a 4,4 milhões de sacas de 60kg de cafés diferenciados. Esses são cafés com qualidade superior ou certificado de práticas sustentáveis.

 

 

O volume físico correspondeu a 17% do total de café exportado pelo Brasil de janeiro a agosto deste ano e representou o segundo maior volume do mesmo período nas últimas cinco safras.

 

 

A receita cambial obtida com essas exportações dos cafés diferenciados foi de US$ 721 milhões, que correspondeu a 21,4% do total gerado com as exportações de todos os tipos dos Cafés do Brasil vendidos ao exterior no período em foco.

 

 

Neste contexto, também merece realçar o fato de que o total dos Cafés do Brasil exportado no mesmo período deste ano, incluindo todos os tipos de cafés, foi de 26,4 milhões de sacas. Os dados são do Relatório mensal agosto 2020, do Conselho dos Exportadores de Café do Brasil – Cecafé.

 

Compartilhar:

Leia Também