Brasileiros criam game que ajuda a alfabetizar crianças com deficiências

quinta-feira, 22 de abril de 2021

Brasileiros desenvolveram um game que une a prática pedagógica à educação inclusiva. O Super AZ é um jogo criado para ajudar a alfabetizar crianças com deficiências, necessidades especiais e transtornos.

 

Os protagonistas do jogo eletrônico são um autista, um jovem com síndrome de Down e um cadeirante. Os desenvolvedores do projeto tomaram o cuidado de não inclui golpes nem ações de violência, nem nas animações nem nos efeitos sonoros.

 

A finalidade é puramente educativa. O game permite trabalhar as funções de estímulos e ter motivação do processo de alfabetização. Em cada fase, há desafios que foram feitos para trabalhar a atenção, coordenação motora, despertar curiosidade e respeitar as regras do jogo.

 

Na história, três personagens entram numa aventura e são convidados pela heroína Super AZ a ajudar a combater os inimigos da aprendizagem. O jogo tem quatro fases, sendo a primeira com letras do alfabeto e a segunda já com uso das sílabas. Depois vem as palavras e as frases.

 

O Super AZ foi produzido em Brasília pela Lizards e foi criado exclusivamente para plataformas de computadores e será lançado no segundo semestre deste ano.

Compartilhar:

Leia Também