Indígenas e quilombolas podem concorrer a bolsas em curso superior

quarta-feira, 02 de fevereiro de 2022

Estão abertas, até 28 de fevereiro, as inscrições para o Programa de Bolsa Permanência, voltado para estudantes indígenas e quilombolas matriculados em cursos de graduação presencial.

 

As inscrições devem ser feitas na página do Sistema de Gestão da Bolsa Permanência (SISBP), disponibilizada no site do Ministério da Educação (MEC).

 

O sistema prevê concessão de bolsas para estadia de estudantes de graduação em instituições federais de ensino superior, de forma a minimizar as desigualdades sociais, étnico-raciais e contribuir para permanência e diplomação dos alunos em situação de vulnerabilidade socioeconômica, em especial, indígenas e quilombolas.

 

Segundo o Ministério da Educação, a análise da documentação comprobatória de elegibilidade do estudante e a aprovação do cadastro no SISBP deverão ser feitas pelas instituições federais de ensino superior de hoje até 31 de março.

Compartilhar:

Leia Também