Intenção de consumo das famílias sobe em outubro, mas segue abaixo de 2019, diz CNC

quinta-feira, 29 de outubro de 2020

A Intenção de Consumo das Famílias, medida pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo, subiu 0,9% entre setembro e outubro, para 68,7 pontos.

 

 

Em nota, Confederação observa recuperação do consumo dos brasileiros, com reflexo nas vendas do varejo, nos últimos meses.

 

 

Dos sete tópicos usados para cálculo do indicador, cinco mostraram altas entre setembro e outubro. É o caso dos avanços de 0,3% em emprego atual e de 4,4% em perspectiva profissional.

 

 

Acesso ao crédito e nível de consumo atual também pontuaram. O saldo de recuperação está aliado ao impacto da renda do consumidor e às escolhas de itens para consumo.                                                                                  

 

Compartilhar:

Leia Também