Internet gratuita será oferecida a estudantes de baixa renda de universidades e institutos federais

segunda-feira, 24 de agosto de 2020

 

Alunos em situação de vulnerabilidade social de institutos federais receberão, já neste segundo semestre, internet gratuita, por rede móvel.

 

 

Para viabilizar a iniciativa, foi realizada licitação de forma que mais de uma empresa possa prestar o serviço, que será coordenado pela Rede Nacional de Ensino e Pesquisa.

 

 

A meta é atingir 900 mil estudantes do Ensino Superior e da Educação Profissional, Científica e Tecnológica com renda per capita de até um salário mínimo e meio.

 

 

Os alunos que já tem algum tipo de pacote de internet particular vão receber bônus de dados móveis extras que serão gerenciados pelas instituições de ensino e terão um crédito de 10 a 40 GB, com validade de 90 dias. Já os alunos sem nenhuma conectividade devem receber pacotes de dados em chips pré-pagos, com créditos de dados de 5 a 40 GB e validade de 30 dias. Cada universidade e instituto deverá definir quais sites e sistemas os estudantes poderão acessar.

Compartilhar:

Leia Também