Isenção de IOF volta a valer e crédito fica mais barato a partir desta terça

terça-feira, 15 de dezembro de 2020

A partir desta terça-feira, e até final do ano, fica mais barato para os brasileiros obterem crédito. Isso porque volta a valer, nesse período a isenção do IOF – Imposto sobre Operações Financeiras – incidente sobre essas operações.

 

A alíquota original, de 3%, foi zerada em abril, para ajudar a mitigar os impactos da pandemia do coronavírus sobre a economia. A medida, que inicialmente deveria valer por três meses, foi sendo prorrogada – na última, foi estabelecido prazo até 31 de dezembro.

 

Com IOF zerado e juros em queda, os últimos meses viram uma forte expansão do crédito no país. Segundo a Febraban, Federação Brasileira de Bancos, os bancos brasileiros concederam 2,6 trilhões de reais em crédito no período de março a 23 de outubro.

 

Foram novas operações, renovações e prorrogações de contratos. O Banco Central informa que o volume do crédito ofertado cresceu 2% em setembro. O que mais disparou foi o financiamento de imóveis.

Compartilhar:

Leia Também