Lei sobre Internet das Coisas pode gerar milhões de empregos

terça-feira, 24 de novembro de 2020

Com a aprovação do Projeto de Lei que cria a isenção tributária para dispositivos e sistemas de comunicação, a expectativa é que a implementação da internet das coisas e da internet 5G gere mais de 10 milhões de empregos.

 

 

Segundo o texto aprovado, dispositivos com conectividade 5G serão desonerados a partir de janeiro de 2021 durante 5 anos. Entre os tributos dispensados estão a Contribuição para o Fomento da Radiodifusão Pública e Taxa de Fiscalização da Instalação.

 

 

Na prática, o projeto viabiliza a implementação da internet das coisas – nome dado à integração de equipamentos e máquinas que se comunicam entre si para gerar experiências automatizadas.

 

 

Essa automação pode ser em larga escala, como carros autônomos ou indústrias robotizadas, ou em pequena escala, como eletrodomésticos inteligentes e relógios de pulso com sensores corporais.

Compartilhar:

Leia Também