Novo estudo mostra eficácia de vitamina D para prevenir Covid-19

sexta-feira, 25 de setembro de 2020

Um novo estudo da Universidade de Chicago, nos Estados Unidos, mostrou a eficácia da vitamina D como forma de prevenção contra a Covid-19 – mas isso sozinho não livra da doença, portanto, mantenha as medidas protetivas.

 

 

Os pesquisadores descobriram que pessoas com deficiência de vitamina D têm quase 60% mais chances de teste positivo para coronavírus. Isso porque esse hormônio desempenha um papel importante no sistema imunológico e no combate às infecções.

 

 

O novo estudo da Universidade de Chicago é o primeiro a mostrar taxas mais altas de COVID-19 em pessoas que tiveram recentemente deficiência de vitamina D – dentro de um ano – antes de fazer o teste para o coronavírus.

 

 

O risco de teste positivo para COVID-19 foi 1,77 vezes maior para pacientes com provável deficiência de vitamina D, em comparação a pacientes com vitamina D suficiente, o que mostrou uma diferença significativa.

 

 

Estudos anteriores observaram uma ligação entre níveis com  outras doenças respiratórias, como asma, tuberculose e infecções virais que atacam os pulmões.

 

 

Compartilhar:

Leia Também