Onça-pintada ferida pelo fogo é reintroduzida na natureza no Pantanal

sexta-feira, 23 de outubro de 2020

Uma onça pintada que foi resgatada com queimaduras no Pantanal foi reinserida na natureza. A informação é do Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Mamíferos do Instituto Chico Mendes.

 

 

Batizado de Ousado, o animal ficou em tratamento durante 36 dias antes de ser solto em um local próximo de onde foi resgatado.

 

 

Quando foi resgatado, Ousado foi tratado no Instituto NEX, em Corumbá de Goiás, com terapia de ozônio e laser, o que permitiu a recuperação do animal.

 

 

A onça recebeu um colar GPS-Satélite para monitoramento. O colar vai permitir avaliar e informar os pesquisadores sobre a readaptação de Ousado em seu meio ambiente, que foi muito impactado pelas queimadas.

 

 

Além disso, permitirá uma análise de como as onças da região estão sobrevivendo. Segundo o centro, a onça será acompanhada de perto por guias locais e pesquisadores nos primeiros dias para uma avaliação direta.                   

Compartilhar:

Leia Também