Plástico recolhido das praias vira embalagem de protetor solar

segunda-feira, 22 de fevereiro de 2021

Resíduos plásticos recolhidos das praias do litoral de São Paulo são reciclados e voltam para as praias como embalagens de protetor solar.

 

Este é o objetivo do projeto Seaside, que em parceria com cooperativas de catadores de material reciclável das cidades do Guarujá, Itanhaém, Mongaguá, Peruíbe, Praia Grande, Santos e São Vicente, no litoral sul de São Paulo, já recolheu 265 toneladas de plástico.

 

Todo esse montante será processado, transformado em resina e dará origem a protetores solares e outros itens. A captação é feita por cooperativas, que atingem 316 famílias de trabalhadores das sete cidades litorâneas paulistas.

 

Todo o ciclo envolve sustentabilidade, economia circular, redução do impacto ambiental e também social. O trabalho com reciclagem é fundamental tanto para a preservação ambiental como para as famílias que vivem dessa coleta.

Compartilhar:

Leia Também