Paraná cria programa para acolher cientistas ucranianas

segunda-feira, 28 de março de 2022

O governo do Paraná, Estado que concentra a maior comunidade de imigrantes da Ucrânia no Brasil, criou um programa de acolhida a cientistas ucranianas.

 

O objetivo é abrir espaço para recrutar cientistas das universidades ucranianas e trazê-las para universidades sediadas no Paraná, por um período de até dois anos.

 

O governo paranaense estima o recebimento de até 50 pesquisadoras que possuam o título de doutoras e que estejam ou estiveram atuando no desenvolvimento de projetos de pesquisa. A ideia é viabilizar uma extensão nas universidades do Paraná.

 

O programa será tocado pela Fundação Araucária, ligada à Superintendência Geral da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior. As pesquisadoras receberão uma bolsa na categoria Professor – Visitante Especial.

Compartilhar:

Leia Também