Projeto social bate a marca de meio milhão de máscaras produzidas

quinta-feira, 16 de julho de 2020

 

Mais de 500 mil máscaras sociais já foram produzidas e entregues em comunidades carentes de diversas regiões da capital com a implantação de um projeto do Centro Paula Souza.

 

As máscaras são confeccionadas por profissionais de costura das próprias comunidades, remunerados por meio do Instituto BEI e do Instituto Rede Mulher Empreendedora. Mais de 250 costureiras e costureiros fazem parte da operação.

 

A meta foi atingida, mas o projeto continua até chegar às mil máscaras doadas. A primeira etapa da produção aconteceu na Etec – Escola Técnica Estadual de Heliópolis, na zona sul de São Paulo, com a presença de uma unidade móvel.

 

Mais quatro carretas entraram posteriormente em operação em Etecs do Jardim São Luís, Cidade Tiradentes, Parque Novo Mundo e Sapopemba. Todas unidades utilizam a própria infraestrutura de cursos na área de costura oferecidos nas unidades.

Compartilhar:

Leia Também