São Paulo ganha mural ecológico que filtra o ar

sexta-feira, 09 de outubro de 2020

Diversas cidades do mundo estão recebendo as cores e os benefícios de murais pintados com uma tinta reconhecida por ajudar a limpar o ar.

Os murais são parte de um projeto internacional, que tem o objetivo de pintar mais de 14 mil metros quadrados murais ao redor do mundo até o final deste ano. Juntos, os murais A equivalem ao plantio de aproximadamente 40 mil árvores. A tinta utilizada é chamada fotocatalítica.

A tecnologia dessa usa a energia da luz para decompor os poluentes atmosféricos nocivos e convertê-los em substâncias inofensivas. Qualquer superfície revestida com esta tinta torna-se uma superfície purificadora de ar ativa, que ajuda a proteger as pessoas de gases nocivos.

A tinta faz o papel de árvores em lugares que não podem crescer. E a capital paulista está entre as cidades que fazem parte do projeto. Em São Paulo, o mural terá a assinatura Rimon Guimarães e o local escolhido fica próximo ao Minhocão, na região central, com grande fluxo de pessoas e carros, para que a tecnologia da tinta possa ter o efeito desejado.

Compartilhar:

Leia Também