Técnica japonesa de artesanato vira fonte de renda para artesãs da região na pandemia

sexta-feira, 09 de julho de 2021

O artesanato típico do Japão vai além dos origamis. O amigurumi vem conquistando o mundo e aqui no Brasil virou fonte de renda para artesãos na pandemia.

 

O amigurumi utiliza duas técnicas comuns: o crochê e o tricô. Com linhas coloridas e fibra antialérgica como matéria-prima, é possível fabricar manualmente bonecas, chaveiros e objetos de decoração.

 

Com a técnica japonesa, é possível representar personagens, pessoas e animais de estimação. Muitas artesãs treinaram a habilidade e já é possível encontrar os produtos em lojas virtuais.

 

Muitas jovens aderiram à técnica e com a dificuldade de trabalho durante a pandemia passaram a investir no artesanato. Com atendimento mais personalizado e com o uso de redes sociais mantém a clientela a par de todo o processo da encomenda.

Compartilhar: