Pesquisadores da UFMG desenvolvem método para tratar câncer cerebral

quarta-feira, 09 de março de 2022

Um nanomaterial, desenvolvido pelos pesquisadores da Universidade Federal de Minas Gerais, pode contribuir para o tratamento de câncer cerebral.

 

O estudo faz parte da pesquisa de doutorado da aluna Isadora Carvalho. O nanomaterial, criado pela própria pesquisadora, pode ser adotado para a aplicação de medicamentos às células infectadas por tumores.

 

A pesquisa ainda se preocupou em melhorar a chegada do fármaco ao local do tumor e causar menos efeitos colaterais, o que é um grande desconforto para pacientes oncológicos.

 

A partir do dispositivo, dois remédios utilizados no tratamento do câncer de cérebro são transportados até a área afetada pelo tumor.  Durante a fase de criação, a equipe envolvida no projeto realizou vários testes in vitro e todos foram bem-sucedidos, com ataque às células tumorais sem danificar as células saudáveis.

Compartilhar:

Leia Também