Hospital da UFMG testa novo PET Scan para tratamento do câncer de mama

quinta-feira, 18 de novembro de 2021

Utilizado em outros países, e inédito no Brasil, um novo contraste para exames de PET Scan está sendo testado no Hospital das Clínicas Universidade Federal de Minas Gerais.

 

A novidade é indicada para pacientes em tratamento de câncer de mama, que precisam fazer o mapeamento PET Scan, exame que detecta a presença de células tumorais em outras partes do corpo, o que indica metástase.

 

No Brasil, o mapeamento é feito com um único marcador de contraste e, agora, está sendo avaliado se outro marcador é mais eficaz para detectar o avanço ou a eficácia do tratamento deste tipo de câncer.

 

Os pesquisadores perceberam que o novo marcador é capaz de detectar alguns tipos de câncer de mama com crescimento lento ou tumores pequenos, que são pouco captados pelo marcador tradicional.

Compartilhar:

Leia Também