Unicamp sobe em ranking internacional e fica entre 50 melhores universidades de países com economia emergente

segunda-feira, 22 de março de 2021

A Unicamp alcançou o quadragésimo oitavo 48º lugar entre as melhores universidades dos países com economia emergente.

 

O resultado mostra que a instituição de Campinas subiu sete colocações desde o ano passado. Esta é uma recuperação, já que antes disso, ela perdeu 22 posições desde 2018.

 

Ao todo, foram avaliadas 606 instituições em 48 países. A Unicamp está entre as 50 melhores de países emergentes.

 

O ranking ainda manteve a universidade como 2ª melhor da América Latina, enquanto que a primeira colocação segue ocupada pela USP.

 

O ranking utiliza como critérios parâmetros nas áreas de ensino, pesquisa, citações, transferência de conhecimento e internacionalização.

Compartilhar:

Leia Também