Vacina em spray contra a covid-19 pode chegar ao mercado até 2023

quarta-feira, 23 de fevereiro de 2022

Cientistas estudam o que é chamado de “segunda geração de vacinas”: as vacinas para covid administradas de formas alternativas à injeção intramuscular.

 

Uma pesquisa do Instituto do Coração do Hospital das Clínicas de São Paulo busca disponibilizar uma vacina em spray, de aplicação nasal, até 2023.

 

As vacinas de injeção intramuscular produzem muitos anticorpos circulantes, que previnem contra os sintomas e o desenvolvimento da doença, mas nem sempre produzem a quantidade desejada de IgA secretório, anticorpo presente nas secreções, mais presentes nas mucosas, como no nariz e na boca.

 

Ou seja, as vacinas protegem contra a doença, mas nem sempre protegem contra a infecção no nariz. Por esse motivo, pesquisadores do Incor pesquisam desde o início da pandemia a possibilidade de uma vacina de aplicação nasal. Este é um produto de inovação na área médica e já está chegando em sua última fase.

Compartilhar:

Leia Também