O que você pode fazer para ser mais gentil?

quarta-feira, 19 de maio de 2021

“Gentileza gera gentileza”. Com certeza, você já leu, ouviu ou mesmo disse essa frase alguma vez na vida. Mas você se considera uma pessoa gentil? Quais atitudes pode praticar para a gentileza fazer mais parte do seu dia a dia?

 

Em tempos de pandemia, esse comportamento ganhou ainda mais importância. Naturalmente, pessoas gentis são as que mais se destacam no trabalho e no convívio com familiares, amigos e vizinhos.

 

Por isso, você vai aprender algumas estratégias para trazer ainda mais gentileza a sua vida. Tudo isso com dicas simples e fáceis de serem colocadas em ação.

 

Uma das melhores maneiras de aumentar nossa própria felicidade é fazer coisas que deixem outras pessoas felizes.

 

Em inúmeros estudos, a bondade e a generosidade foram associadas a uma maior satisfação com a vida, relacionamentos mais fortes e melhor saúde física e mental. Além disso, a felicidade que as pessoas obtêm ao ser gentis cria um ciclo de feedback positivo. Ou seja, os sentimentos positivos inspiram mais generosidade, que, por sua vez, alimentam uma maior felicidade.

 

Já para quem está querendo conquistar alguém saiba do seguinte: a gentileza é a principal qualidade na busca por um parceiro ou uma parceira. Também é a primeira característica para tornar uma pessoa mais atraente em relacionamentos.

 

Os dados são de um estudo do País de Gales divulgado no Journal of Personality. Ele revela que homens e mulheres são menos preocupados com a atração física ou a situação financeira quando procuram um par para começar um relacionamento sério. Ao final do levantamento, os cientistas concluíram que a gentileza era o traço mais desejado entre as pessoas.

 

E você sabia que a gentileza também é verdadeiramente contagiosa? Isso é o que diz uma pesquisa realizada por pesquisadores da Universidade de San Diego e da Yale University.

 

Segundo o estudo, aqueles que testemunham e se beneficiam dos atos de gentileza de outras pessoas têm maior probabilidade de serem gentis. Um único ato de gentileza se espalha por meio das nossas redes de relacionamento com até três graus de separação, de pessoa a pessoa.

 

Porém, ter a capacidade para ser gentil e colher benefícios reais não significa que sempre agimos assim. Podemos estar ocupados, distraídos ou envolvidos em nossas próprias preocupações para prestar muita atenção às necessidades dos outros. Ou, então, estamos apenas sem prática. Isso porque a gentileza é como um músculo que precisa ser fortalecido com o uso repetido.

 

Como podemos fortalecê-lo? O primeiro passo é começar a cultivar sentimentos de bondade. Afinal, o comportamento gentil surge mais naturalmente quando estamos sentindo compaixão e conexão com os outros.

 

Sentir-se conectado com as pessoas satisfaz uma necessidade psicológica fundamental de pertencimento. Quando ela não é atendida, é provável que as pessoas se concentrem mais em suas próprias vidas do que em cuidar dos outros.

 

Outra maneira de aumentar a quantidade de gentileza que realizamos a longo prazo é bastante simples: faça um esforço para realizar atos mais gentis e generosos a curto prazo.

 

Todos nós praticamos atos de bondade uma vez ou outra. Eles podem ser grandes ou pequenos. No entanto, seus efeitos são profundos não apenas para quem recebe, mas também para quem realiza.

 

Praticar a gentileza intencionalmente em nossa vida cotidiana, mesmo nos dias em que não estamos com bom humor, ajuda muito. Isso se deve em grande parte ao modo como a gentileza gera felicidade.

 

Os bons sentimentos servem para reforçar o gesto positivo e nos torna mais propensos a querer praticá-los no futuro. Portanto, realizar atos aleatórios de gentileza é um bom pontapé inicial. E eles não apenas elevam nosso espírito no momento. Também têm o potencial de alterar a maneira como nos sentimos sobre nós mesmos e aumentar a autoestima.

 

O que fazer?

 

A prática que eu vou ensinar envolve realizar 5 atos de bondade em um dia e, em seguida, escrever sobre a experiência. Eles podem ser qualquer coisa, desde abrir mão do seu lugar no ônibus para outra pessoa até doar sangue.

 

Após fazer isso, você vai ver que pequenas atitudes gentis podem produzir mudanças significativas. O tempo que você vai precisar varia. Pode ser de vários minutos a várias horas.

 

Funciona da seguinte maneira:

 

Passo 1 – Um dia desta semana, faça cinco atos de bondade.

 

Importante: você precisa realizar seus 5 atos em um único dia, em vez de distribuí-los ao longo da semana. Grandes ou pequenos gestos, não importa o tamanho deles.

 

E também não precisam ser para a mesma pessoa. Você pode ajudar um amigo em uma tarefa e fazer um elogio genuíno para outra pessoa que quer bem.

 

Passo 2 – Após cada atitude de gentileza, escreva o que você fez em pelo menos uma ou duas frases.

 

Passo 3 – Para ter mais felicidade, registre também como você está se sentindo. E é importante variar. Então, use a criatividade a seu favor!

 

Pessoas que fazem sempre os mesmos atos apresentam uma trajetória descendente na felicidade. Isso acontece porque a atitude parece menos especial à medida que cai na rotina.

 

Tornar-se uma pessoa mais gentil não é algo que acontece da noite para o dia. É preciso repetição para transformar suas melhores intenções em ações concretas. Para isso, pratique! De tanto exercitar, um dia a gentileza fará parte da sua personalidade.

 

Por Flora Victoria

Compartilhar:

Leia Também